Produtos de Higiene naturais você encontra na Tudo Saudável



Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 1 Votos - 5 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
Transplante de fezes vira arma contra tipo de colite
06-04-2015, 04:31 PM (Resposta editada pela última vez em: 06-04-2015 05:03 PM por rogeriosc.)
Resposta: #1
Transplante de fezes vira arma contra tipo de colite
[Imagem: transplante.jpeg?1390231715]


Técnica é alternativa de cura para doença que causa diarreia constante; com transplante, flora intestinal é reconstruída

O Hospital Albert Einstein, em São Paulo, realizou no último mês dois procedimentos inusitados e inéditos no Brasil: transplantes de fezes. Apesar de parecer estranho, o transplante é a única alternativa de cura para pacientes que sofrem da chamada colite pseudomembranosa, que causa diarreias persistentes, que podem levar à desidratação e até a infecção generalizada.

O primeiro a receber a técnica foi o empresário José Sanches Gallo, de 75 anos, que foi transplantado em fevereiro. Na semana passada foi a vez da aposentada Vera Soares, de 78 anos. Nos dois casos, os filhos foram os doadores. Os dois já receberam alta e não tiveram mais diarreia.

Esse tipo de colite é causado pela Clostridium difficile. Trata-se de uma bactéria que normalmente habita a flora intestinal de cerca de 10% das pessoas, mas costuma não incomodar porque há um equilíbrio natural entre as bactérias.

Em geral, o problema surge por conta da ingestão contínua de antibióticos de largo espectro (os mais modernos, que normalmente matam vários tipos de bactérias). A Clostridium difficile é resistente a esses medicamentos e, sem outras bactérias no mesmo ambiente, ela fica livre para agir, provocando um desequilíbrio e, consequentemente, as diarreias persistentes.

O tratamento padrão para esse problema é o uso de dois tipos de antibióticos: a vancomicina e o metronizadol. Mas, segundo o médico Arnaldo José Ganc, que é gastroenterologista e endoscopista do Einstein, esses antibióticos não curam, apenas reduzem a frequência das diarreias. Além disso, a vancomicina só pode ser aplicada em ambiente hospitalar (é de uso venoso) e o metronizadol já não tem sido mais tão eficiente.

Segundo Ganc, nos anos 1960 pesquisadores começaram a usar uma técnica de lavagem intestinal no paciente usando fezes de outras pessoas para tentar "repovoar" a flora, restaurando o equilíbrio, mas a técnica foi considerada antiética e foi suspensa por anos. Tempos depois, os cientistas também tentaram aplicar as fezes saudáveis nos pacientes por meio da colonoscopia, mas os resultados não eram bons porque não se conseguia fazer o "repovoamento" de toda a flora intestinal - apenas do fim.

Mas, uma pesquisa feita por cientistas holandeses e publicada no New England Journal of Medicine em janeiro deste ano trouxe a técnica de volta - mas por outras vias - e constatou que o transplante de fezes é realmente a alternativa mais rápida e eficaz para o tratamento, em comparação com o uso da vancomicina.

No estudo, os pesquisadores analisaram três grupos de pacientes: o primeiro e o segundo foram tratados com os antibióticos e o terceiro grupo fez o transplante. A cura do problema foi tão rápida no terceiro grupo (a diarreia cessou em 85% dos voluntários na primeira infusão) que o estudo foi interrompido, já que os médicos concluíram que seria antiético manter os outros pacientes com medicamentos, sem bons resultados. Na segunda infusão, a diarreia cessou em 95% dos participantes.

Adaptação. O grupo holandês fez o transplante por meio de uma infusão de fezes feitas por uma sonda no nariz do paciente, chegando no duodeno.

Aqui no Brasil, para evitar constrangimentos nos pacientes e até mesmo a possibilidade de refluxos, o médico Ganc resolveu adaptar a técnica e, em vez de usar a sonda no nariz, ele fez uma endoscopia - os pacientes foram sedados e, por meio do endoscópio, as fezes foram infundidas direto no jejuno.

"O hospital estava com dois pacientes com diarreia persistente. Um deles estava internado havia mais de três meses. Tínhamos tentado de tudo para resolver o problema, sem sucesso. Até que decidi propor o transplante. Eles toparam na hora", afirmou Ganc.

Um deles, o aposentado Sanches Gallo, sofria havia três meses de diarreia crônica. Um dia após o transplante, já se sentia melhor. Em três dias, não teve mais diarreia. "É um procedimento muito simples e rápido. Estava sedado, não vi nada. Resolveu meu problema."

De acordo com Ganc, a técnica usa fezes de duas pessoas para melhorar a quantidade e a qualidade das bactérias. As fezes passam por sorologias, depois são misturadas em soro fisiológico e centrifugadas, antes de serem infundidas no doente. Ao ser aplicada no jejuno, as fezes vão "repovoando" a flora intestinal com novas bactérias e, por conta dessa competição, o Clostridium difficile morre. Em muitos casos, o problema cessa já na primeira infusão. "Apesar de desconhecido por muitos, o problema é bastante comum. Já se fala em usar essa técnica em outras doenças intestinais", disse Ganc.

Como é feito o transplante de fezes?

Inserindo fezes alheias no intestino do paciente, por via anal, oral ou nasal. Tudo começa quando a pessoa usa algum antibiótico para tratar de uma doença. Como efeito colateral, o remédio mata uma parte excessiva dos trilhões de bactérias presentes no intestino (grupo chamado de microbiota). Essa chacina permite que uma bactéria invasora, a Clostridium difficile, se reproduza, causando dores e diarreias terríveis. Extremamente resistente, a dita-cuja costuma ser combatida com mais antibióticos, mas os cientistas descobriram que, quando se trata da variedade mais resistente da criatura, eles só dão resultado em 30% dos casos. Já o transplante de fezes funciona em 90%, porque o material transferido contém uma microbiota saudável, que recoloniza a região e impede a proliferação da invasora. Por ser novo, o tratamento ainda não foi regulamentado em vários países, inclusive no Brasil, mas já é realizado em caráter experimental em São Paulo.

Viagem ao centro do Cólon

Método não tem contraindicações nem efeitos colaterais

1. O doador de fezes é sempre compatível - basta ser saudável e não ter tomado antibióticos há pelo menos três meses. Ele passa por exames de fezes e de sangue e, geralmente, é um membro da família, por questões psicológicas. No Brasil, utiliza-se uma mistura de dois doadores para obter uma microbiota de maior qualidade

2. O doador faz cocô em casa ou no hospital. O material é guardado num potinho plástico e deve ser usado em até seis horas. No hospital, é misturado a soro fisiológico em um liquidificador. Cada 500 ml de soro requer de 50 a 100 g de fezes. Para deixar a mistura bem líquida, pode-se filtrá-la ou centrifugá-la

3. Há quatro maneiras de fazer a infusão das fezes no tubo digestivo. Duas delas são por via superior, utilizando uma sonda nasogástrica (que entra pela cavidade nasal) ou um endoscópio (pela boca). Ambas passam direto pelo estômago e chegam ao jejuno, a segunda parte do intestino delgado, onde o cocô é despejado

4. Os outros métodos são pelo ânus, via colonoscopia ou enema. A primeira é mais eficaz, porque a mangueira pode ir mais fundo, mas o enema, disponível em farmácias, tem a vantagem de poder ser aplicado em casa, pelo próprio paciente. Cerca de 300 ml de fezes são transplantados

5. O procedimento todo dura no máximo 15 minutos e o paciente pode ser sedado para evitar reações de nojo. Não se sente nada além dos efeitos comuns de uma endoscopia ou colonoscopia e, após pelo menos uma hora, o paciente já pode ir normalmente ao banheiro fazer seu primeiro cocô recolonizado.

Solução milagrosa

Cientistas cogitam usar o tratamento também para estas doenças
- Colites
- Síndrome do intestino irritável
- Doença de Crohn
- Síndrome metabólica
- Diabetes
- Esclerose múltipla
- Obesidade
- Autismo
- Doença de Parkinson

Fontes:
- Estadao: Transplante de fezes vira arma contra tipo de colite
- Mundo estranho: Como é feito o transplante de fezes?
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
[-] O(s) seguinte(s) 2 usuários diz(em) obrigado a rogeriosc pelo seu post:
admin (06-04-2015), Angelick (07-04-2015)
Compre Alimentos Orgânicos na Tudo Saudável Produtos Naturais
Responder 


Tópicos Similares
Tópico: Autor Respostas Visualizações: Última Resposta
  Cúrcuma é uma Alternativa Ideal para o Tratamento e Prevenção da Diabete Tipo 2 Jahaisa 0 471 15-02-2019 12:12 AM
Última Resposta: Jahaisa
  A Importância do Magnésio na Prevenção e Tratamento da Diabetes Tipo 2 Jahaisa 0 358 14-11-2018 11:24 PM
Última Resposta: Jahaisa
  Folhas de Graviola Demonstram ser um Remédio Natural Eficaz contra o Câncer de Mama Jahaisa 0 279 20-10-2018 06:31 PM
Última Resposta: Jahaisa
  Tratamentos caseiros para a colite ulcerativa Bruna T 0 294 22-09-2018 09:17 AM
Última Resposta: Bruna T
  [Estudo] Nozes Reduzem o Risco de Diabetes Tipo 2 Pela METADE Jahaisa 0 661 25-08-2018 07:33 PM
Última Resposta: Jahaisa

Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Entre em Contato | Fórum Notícias Naturais | Voltar ao Topo | Voltar ao Conteúdo | Modo Leve (Arquivo) | Feeds RSS | Site Notícias Naturais | Loja Tudo Saudável
Publicidade:
Loja Tudo Saudável


Recomende o Fórum


Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas Site Notícias Naturais

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 26 usuários online.
» 0 Membros | 26 Visitantes

Estatísticas do Fórum
» Membros: 26,770
» Último Membro: adamsjr
» Tópicos do Fórum: 3,689
» Respostas do Fórum: 17,197

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
Múltiplas Cepas de Vírus de Porco são Descobertas em Vacinas Orais contra o Rotavírus
Última Resposta Por: Jahaisa
Ontem 09:33 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 256
Cúrcuma é uma Alternativa Ideal para o Tratamento e Prevenção da Diabete Tipo 2
Última Resposta Por: Jahaisa
15-02-2019 12:12 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 471
[Estudo] Avaliação dos Efeitos do Extrato de Spirulina nos Processos de Digestão
Última Resposta Por: Jahaisa
14-02-2019 06:04 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 230
Você Sabia que o Zika Vírus é Patenteado? (Adivinha Quem é Dono...)
Última Resposta Por: Jahaisa
11-02-2019 12:13 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 476
[Estudo] Câncer e Doença Crônica: Você Melhora ou Piora, Dependendo do que Você Come
Última Resposta Por: Jahaisa
10-02-2019 06:05 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 218
Benefícios do salmão: 5 motivos para consumir esse peixe com mais frequência
Última Resposta Por: Bruna T
10-02-2019 11:12 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 259
A Ciência é Clara: O Wi-Fi Aumenta Nosso Risco de Câncer no Cérebro
Última Resposta Por: Jahaisa
09-02-2019 06:08 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 281
O Aspartame Pode Estar ter Deixando Burro
Última Resposta Por: Jahaisa
08-02-2019 09:31 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 335
[Estudo] Combata a Diabetes com Chocolate Amargo
Última Resposta Por: Jahaisa
07-02-2019 02:25 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 371
Iogurte à noite: Veja as formas de consumir esse alimento antes de dormir
Última Resposta Por: Bruna T
06-02-2019 05:46 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 301
Indústria do Câncer Conspira para DESTRUIR a Nova Cura para o Câncer
Última Resposta Por: Jahaisa
06-02-2019 05:02 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 146
Indústria das Vacinas tem Novo Alvo para a Gardasil: Adultos Entre 27 e 45 Anos
Última Resposta Por: Jahaisa
05-02-2019 01:10 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 336
Antiácidos Estão Associados ao Aumento do Risco de Ataque Cardíaco
Última Resposta Por: Jahaisa
04-02-2019 05:23 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 326
Parmigiano-Reggiano: Comida praticamente perfeita da Itália
Última Resposta Por: Bruna T
03-02-2019 05:05 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 373
O Colapso da Ciência das Vacinas Está bem Encaminhado
Última Resposta Por: Jahaisa
03-02-2019 04:33 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 166
Maca Peruana: O Vegetal Milagroso Pouco Conhecido
Última Resposta Por: Jahaisa
02-02-2019 04:45 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 301
[Estudo] Trate a Psoríase com Vitamina D e Zinco
Última Resposta Por: Jahaisa
01-02-2019 12:38 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 329
Tomar Anti-inflamatórios não Esteroides Pode Aumentar o Risco de um Ataque Cardíaco
Última Resposta Por: Jahaisa
31-01-2019 11:07 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 377
CONFIRMADO: As Vacinas Estão Contaminadas com Glifosato
Última Resposta Por: Jahaisa
30-01-2019 11:48 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 305
Comer Gengibre Pode Suprimir os Efeitos Negativos de uma Dieta Rica em Gordura
Última Resposta Por: Jahaisa
29-01-2019 01:13 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 353
Aqui Está o Porquê Você Deve Evitar o Óleo de Canola
Última Resposta Por: Jahaisa
28-01-2019 12:02 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 257
[Estudo] Ácidos Graxos Ômega-3 Podem Tratar a Infertilidade Masculina
Última Resposta Por: Jahaisa
27-01-2019 01:08 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 256
Conheça e saiba usar 37 plantas medicinais
Última Resposta Por: Bruna T
26-01-2019 05:00 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 296
Plantas medicinais da Amazónia (a “farmácia do índio”)
Última Resposta Por: Bruna T
26-01-2019 04:57 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 133
Bill Gates e a Elite do Mundo NÃO VACINAM Seus Próprios Filhos... e por Boas Razões
Última Resposta Por: Jahaisa
26-01-2019 03:32 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 168
Remédios naturais: o poder de cura com ervas da Amazônia
Última Resposta Por: Bruna T
26-01-2019 03:29 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 133
8 Remédios Caseiros Mais Poderosos e Eficazes que Você Pode Usar em vez do Ibuprofeno
Última Resposta Por: Jahaisa
25-01-2019 12:25 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 330
7 dos alimentos mais perigosos do mundo
Última Resposta Por: Bruna T
25-01-2019 12:00 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 160
Por que as castanhas de caju não podem ser comidas cruas?
Última Resposta Por: Bruna T
24-01-2019 08:14 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 246
[Estudo] Quimioterapia Está Ligada à Disfunção Mitocondrial no Músculo Esquelético
Última Resposta Por: Jahaisa
24-01-2019 12:21 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 258

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!