Shoyu e Missô Orgânicos Você Encontra na Tudo Saudável Produtos Naturais



Responder 
 
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
A Mudança do Paradigma do Sal – O Mítico Lair Ribeiro
18-05-2018, 05:22 PM
Resposta: #1
A Mudança do Paradigma do Sal – O Mítico Lair Ribeiro
[Imagem: sal.png]

O mundo anda fascinado com Lair Ribeiro, o médico revolucionário que pretende mudar o paradigma da medicina.

Sou honesto…nunca me dediquei a ouvir o que o senhor diz, pelo menos até agora. No entanto, já que ele é citado por tantos charlatões, convém ir diretamente à fonte e saltar os intermediários.

Após ver alguns vídeos decidi que não poderia concentrar todas as afirmações do mítico Lair apenas num artigo…Por isso, vamos dividir os seus argumentos por tema e analisá-los à luz da evidência científica.

Começamos pelo Sal
A posição do Dr. Lair tem um sobre o sal que é uma autêntica abominação ao bom senso, à lógica e à racionalidade. Infelizmente os vídeos do Youtube onde o charlatão falava do sal foram removidos (sabe-se lá porquê). De qualquer forma, fica o resumo. No primeiro vídeo tínhamos as seguintes afirmações:

“O cloreto de sódio refinado não tem os outros 80 minerais, como também tem veneno.”
Lair, quando fala de cloreto de sódio refinado, refere-se ao sal de cozinha…que não tem os outros 80 minerais que alguns sais afirmam ter (como o sal dos Himalaias), mas tem veneno! Veneno, caros leitores!

Já abordamos este tema num outro artigo em que o Dr. Pinto Coelho aconselha beber água do mar. E já falamos que o sal, independentemente da fonte, tem mais de 97% de cloreto de sódio. O sal de cozinha por vezes atinge os 99% de pureza. O resto dos elementos são residuais e com pouco ou nenhum impacto na saúde dos consumidores.

Esta publicidade ao número de minerais é uma estratégia de marketing simplista do “quanto mais melhor”. O corpo humano apresenta na sua composição cerca de 41 a 60 elementos, dos quais alguns estão em concentrações residuais. Outros podemos considerar contaminantes, sem qualquer interesse em termos biológicos. Alguns desses contaminantes são elementos tóxicos e outros radioativos. Encontramos coisas como o Rádio, o Urânio, metais altamente radioativos.

Portanto, dizer que um sal tem 80 elementos ou dizer que tem 118 elementos (como afirmou o Pinto Coelho sobre a água do mar) é completamente indiferente. Não são elementos úteis, podem mesmo ser prejudiciais.

O sal de cozinha tem substâncias, solventes que são prejudiciais à saúde
O Dr. Lair fala de solventes no sal de cozinha…procurei em várias fontes que tipo de solventes existem no sal de cozinha e não consegui encontrar qualquer tipo de produto químico relevante. Além disso, não faz sentido encontrar solventes no sal, já que a própria definição de solvente é ser um composto que dissolve. A água é um solvente do sal…não me parece que seja um veneno ou um tóxico.

Como referi, o sal de cozinha é composto por mais de 97% de cloreto de sódio. Pode ser adicionado silicato de alumínio e de sódio ou carbonato de magnésio para manter o “sal solto”. Podemos adicionar iodeto de potássio como suplemento, importante principalmente em zonas geográficas onde a alimentação é pobre em iodo.

Não há muito mais no sal de cozinha. Podemos até dizer que será dos alimentos mais “puros” que ingerimos.

Os sais existentes são todos iguais no que concerne à saúde. Não vale a pena comprar sal rosa, azul ou amarelo às bolinhas. Está a gastar dinheiro sem qualquer proveito para a saúde.

O cloreto de sódio é outro problema sério…porque o cloreto de sódio causa hipertensão…o sal não!
Meus senhores e minhas senhoras, a licenciatura em medicina do Dr. Lair acabou de entrar em combustão espontânea. O sal é por definição cloreto de sódio…Como já falamos, o sal é composto 97 a 99% por cloreto de sódio. Não é preciso ser engenheiro de física atómica para perceber isto. Nem ser doutorado em Ciências da Educação ?

Esta afirmação é a mesma coisa que dizer que os homens não engravidam mulheres. Indivíduos do sexo masculino engravidam indivíduos do sexo feminino.

Portanto, não é compreensível como um senhor que tem este tipo de afirmações tenha tantos seguidores por este mundo fora. É que não estamos a falar de ser charlatão. Estamos a falar de ser simplesmente ignorante relativamente aos conceitos mais básicos da semântica.

Os doentes que estão em “exaustão adrenal”, se ele não fizer uso de sal ele não sai da “exaustão adrenal”
Caros leitores…mais uma vez, a licenciatura do Dr. Lair faleceu, foi cremada e enterrada. O que é a fadiga adrenal?

“Adrenal fatigue or hypoadrenia are terms used in alternative medicine to describe the unscientific belief that the adrenal glands are exhausted and unable to produce adequate quantities of hormones, primarily the glucocorticoid cortisol, due to chronic stress or infections. Adrenal fatigue should not be confused with recognized forms of adrenal dysfunction such as adrenal insufficiency or Addison’s Disease.

The term “adrenal fatigue”, which was coined in 1998 by James Wilson, a chiropractor, may be applied to a collection of mostly nonspecific symptoms. There is no scientific evidence supporting the concept of adrenal fatigue and it is not recognized as a diagnosis by the medical community. A systematic review found no substantiative evidence for the term adrenal fatigue, confirming the general consensus among endocrinological societies that it is a myth.

Blood or salivary testing is sometimes offered but there is no evidence that adrenal fatigue exists or can be tested. The concept of adrenal fatigue has given rise to an industry of dietary supplements marketed to treat this condition. These supplements are largely unregulated in the U.S., are ineffective, and in some cases may be dangerous.”


Resumindo…o conceito de fadiga adrenal foi inventado em 1998 por um quiroprata, sendo aplicado a uma coleção de sintomas inespecíficos. Segundo este conceito, as glândulas adrenais estão “exaustas” e não produzem a quantidade adequada de hormonas, principalmente cortisol.

No entanto, não existe qualquer evidência científica que apoia a existência desta “doença”. As sociedades de endocrinologia consideram esta doença um mito. Os testes que são oferecidos para diagnosticar esta “doença” para nada servem. Apesar disso, conceito de fadiga adrenal levou ao surgimento de uma indústria de suplementos alimentares para dar resposta a este “problema”. Os suplementos são ineficazes ou mesmo perigosos para a saúde.

Porque quando temos exaustão adrenal, já temos deficiência de aldosterona. E um dos componentes do tratamento é introduzir sal…integral…pelo que eu recomendo uma colher de sal num copo de água e tomar juntamente com os medicamentos. Não adianta comprar sal marinho refinado, porque é cloreto de sódio…
Bem…o Dr. Lair tem que organizar o pensamento, mesmo quando está a tentar aldrabar as pessoas. Primeiro, para que serve a aldosterona? Quais as suas funções fisiológicas?

A função principal da aldosterona é a manutenção do volume de líquido extracelular, por conservação do sódio corporal; quando é detetada uma redução desse volume a nível do rim, despoleta uma série de mecanismos que levam à produção de aldosterona, com o objetivo de repor o volume de líquido extracelular considerado adequado.

Resumindo, a aldosterona:

*Leva ao aumento da concentração de sódio no sangue/líquido extracelular;
*Provoca uma perda de potássio (excretado nos rins para absorver o sódio);
*Aumenta a absorção de cloro;
*Aumenta a absorção de água a nível renal.

Ou seja, a principal função da aldosterona é na regulação do sódio, potássio, cloro e água. Então porque é que o mítico Lair fala do sal refinado como sendo mau para tratar o “défice de aldosterona”?! E se os outros sais tem mais de 80 elementos, qual o seu interesse no mecanismo da aldosterona?! Nenhum.

Não satisfeito com as asneiras que ouvi no primeiro vídeo, fui ver um segundo vídeo sobre o assunto (infelizmente também já não está disponível)…

Neste segundo vídeo o Dr. Lair refere que o sal não afeta a hipertensão, baseando-se no estudo INTERSALT. No entanto, as conclusões do estudo são diferentes do que o Dr. Lair afirma. Refere que apenas em 4 centros foi encontrada correlação entre o consumo de sal e hipertensão…nos restantes 48 centros associados ao estudo essa correlação não foi encontrada.

Coloco apenas as conclusões:

“The INTERSALT results, which agree with findings from other diverse studies, including data from clinical observations, therapeutic interventions, randomized controlled trials, animal experiments, physiologic investigations, evolutionary biology research, anthropologic research, and epidemiologic studies, support the judgment that habitual high salt intake is one of the quantitatively important, preventable mass exposures causing the unfavorable population-wide blood pressure pattern that is a major risk factor for epidemic cardiovascular disease.”

Ou seja, o estudo INTERSALT apoia que um consumo alto de sal é um fator importante para o aparecimento de hipertensão e surgimento de doença cardiovascular. Logo, o Dr. Lair mente quando se apoia neste estudo para validar a sua posição.

Depois refere que afinal não consumir sal leva a uma diminuição da tensão arterial…mas esta diminuição é mínima (1.27mmHg na sistólica e na diastólica de 0.54mmHg), o que não tem qualquer relevância clínica. Vamos ver o que diz a evidência sobre a redução da pressão arterial com redução do consumo de sal. Estudo da Cochrane, “fresquinho”, de Abril de 2017:

“Sodium reduction from an average high usual sodium intake level (201 mmol/day) to an average level of 66 mmol/day, which is below the recommended upper level of 100 mmol/day (5.8 g salt), resulted in a decrease in SBP/DBP of 1/0 mmHg in white participants with normotension and a decrease in SBP/DBP of 5.5/2.9 mmHg in white participants with hypertension. A few studies showed that these effects in black and Asian populations were greater. The effects on hormones and lipids were similar in people with normotension and hypertension”

Portanto, numa pessoa sem hipertensão, uma dieta pobre em sódio leva a reduções marginais. No entanto, num doente hipertenso já não é bem assim. A redução atinge valores de 5.5mmHg na sistólica e de 2.9mmHg na diastólica. É espectacular? Não…mas é muito superior ao que o Dr. Lair afirma ser.

Depois o Dr. Lair usa o estudo NANHES I e NANHES II para dizer que uma dieta baixa em sal aumenta o risco de morte por doenças cardiovasculares ou mesmo a mortalidade geral. Isto é verdade…mas não totalmente verdade.

Primeiro, é preciso compreender que o estudos NANHES são estudos observacionais. A sua qualidade é intermédia. De qualquer forma vamos considerar estes estudos:

O que diz o NANHES I sobre o sódio:

“This observational study does not justify any particular dietary recommendation. Specifically, these results do not support current recommendations for routine reduction of sodium consumption, nor do they justify advice to increase salt intake or to decrease its concentration in the diet.”

Portanto, este estudo não recomenda a restrição de sódio na dieta.

O que diz o NANHES II sobre o sódio:

“Adjusted HR of CVD mortality for sodium <2300 mg was 1.37 (95% confidence interval [CI]: 1.03-1.81, P = .033), and 1.28 (95% CI: 1.10-1.50, P = .003) for all-cause mortality. Alternate sodium thresholds from 1900-2700 mg gave similar results. Results were consistent in the majority of subgroups examined, but no such associations were observed for those <55 years old, non-whites, or the obese.

The inverse association of sodium to CVD mortality seen here raises questions regarding the likelihood of a survival advantage accompanying a lower sodium diet. These findings highlight the need for further study of the relation of dietary sodium to mortality outcomes.”


Portanto, o consumo de sal inferior a 2.7g/dia parece aumentar o risco de doença cardiovascular e mortalidade geral.

É aqui que o Dr. Lair pára…Mas existe o NANHES III, que diz:

“Observed associations of lower sodium with higher mortality were modest and mostly not statistically significant. However, these findings also suggest that for the general US adult population, higher sodium is unlikely to be independently associated with higher CVD or all-cause mortality.”

A observação de um consumo baixo de sódio com um aumento da mortalidade é modesto e na maioria não é estatisticamente significativo.

Uma outra avaliação dos dados do NANHES III conclui:

“Our findings suggest that a higher sodium-potassium ratio is associated with significantly increased risk of CVD and all-cause mortality, and higher sodium intake is associated with increased total mortality in the general US population.”

Quanto maior o rácio sódio/potássio, maior o risco de mortalidade geral e por doenças cardiovasculares. Um consumo alto de sódio está associado ao aumento da mortalidade geral na população americana.

Isto significa que o Dr. Lair faz “cherry-picking” de estudos para validar a sua opinião. Fazer cherry-picking significa escolher os estudos científicos que confirmam a nossa opinião ignorando toda a restante evidência produzida.

Eh pá…que confusão?! Então o sal faz mal ou não?
Caro leitor, como TODOS OS NUTRIENTES, nem demais, nem de menos. Pede-se moderação, já que parece existir uma curva em U associada ao consumo de sal:

“Both low sodium intakes and high sodium intakes are associated with increased mortality, consistent with a U-shaped association between sodium intake and health outcomes.”

“Our study extends the IOM report by identifying a specific range of sodium intake (2,645–4,945 mg) associated with the most favorable health outcomes, within which variation in sodium intake is not associated with variation in mortality”


Ou seja, assumir o consumo de 2.7g a 4.9g de sal por dia. A Direção Geral de Saúde, citando a Organização Mundial de Saúde, aconselha um consumo inferior a 5g/dia…o que está de acordo com o que falamos aqui. No entanto, o consumo deverá ser ajustado de acordo com as patologias de que o doente padece (link no final).

O Dr. Lair refere que a evidência produzida sobre o baixo consumo de sal foi “deixada de lado, porque o paradigma que domina é que uma dieta baixa em sal faz bem”…espero ter esclarecido os leitores que isso não é verdade.

Concluindo
Ninguém está a esconder nada. Ninguém está agarrado a nenhum paradigma. A única diferença é que a medicina e a ciência seguem a evidência científica na sua globalidade. Não seguem apenas alguma evidência produzida para fazer capa de jornal, vender consultas ou ser polémico.

Se por acaso a evidência científica ficar mais sólida relativamente à ingestão de sal, novos consensos serão produzidos relativamente aos níveis de consumo aconselhados.

Só relativamente ao sal e hipertensão é que o Dr. Lair utilizou ciência. No restante, apresenta-se como mais um charlatão, que tenta vender falsos tratamentos para falsas doenças. Que pretende ser diferente da norma porque é a única forma que tem de sobressair da multidão. Não pela competência, mas pela polémica e controvérsia.

Assim, atribui 7/1o na escala de charlatanice em formato “Tiririca, pior que tá não fica.“

[Imagem: tiririca.jpg]

Se chegou até aqui, é porque está mesmo muito interessado neste assunto! ?

Sendo assim, deixo um artigo muito completo sobre esta controvérsia.

Sodium and Its Role in Cardiovascular Disease – The Debate Continues.

FONTE: https://www.scimed.pt/geral/sal/evidenci...pertensao/
Encontrar todas as respostas deste usuário
Adiciona agradecimento Citar esta mensagem em uma resposta
Compre Cúrcuma em Pó na Tudo Saudável
Responder 


Ir ao Fórum:


Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes
Tópicos relacionados...

Entre em Contato | Fórum Notícias Naturais | Voltar ao Topo | Voltar ao Conteúdo | Modo Leve (Arquivo) | Feeds RSS | Site Notícias Naturais | Loja Tudo Saudável
Publicidade:
Loja Tudo Saudável


Recomende o Fórum


Dossiê Vacina HPV
Registro de Efeitos Adversos das Vacinas Site Notícias Naturais

Pesquisar

(Pesquisa Avançada)

Olá, Visitante
Olá Visitante!
Para participar do fórum, é necessário se Registrar.



  

Senha
  





Usuários Online
Existem no momento 43 usuários online.
» 0 Membros | 43 Visitantes

Estatísticas do Fórum
» Membros: 28,806
» Último Membro: block061ku
» Tópicos do Fórum: 3,987
» Respostas do Fórum: 17,504

Estatísticas Completas

Tópicos Recentes
10 Razões Saudáveis para Adicionar Linhaça na sua Dieta
Última Resposta Por: Jahaisa
Hoje 01:12 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 14
Triclosan Torna as Bactérias Mais Fortes e Mais Perigosas - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
Hoje 01:11 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 5
9 Razões para Adicionar Chlorella à sua Dieta - Estudos
Última Resposta Por: Jahaisa
Hoje 01:10 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 5
6 Formas de Vencer a Ansiedade e a Insônia
Última Resposta Por: Jahaisa
Ontem 09:46 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 234
250 Cientistas Entregam Apelo Internacional sobre os Efeitos das Comunicações sem Fio
Última Resposta Por: Jahaisa
Ontem 09:45 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 39
Pesquisas Relacionam os Hábitos de Sono às Doenças Cardíacas
Última Resposta Por: Jahaisa
Ontem 09:44 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 37
Goji Berry é Rico em Antioxidantes e Oferece uma Variedade de Benefícios para a Saúde
Última Resposta Por: Jahaisa
18-08-2019 12:31 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 339
13 Formas Naturais de Combater a Depressão
Última Resposta Por: Jahaisa
17-08-2019 01:41 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 528
Sentindo-se Inchado? Aqui Estão 6 Chás para Fazer Você se Sentir Melhor
Última Resposta Por: Jahaisa
17-08-2019 01:40 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 175
Chocolate Amargo é Excelente para Combater a Fadiga - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
17-08-2019 01:38 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 167
Cães são Capazes de Detectar o Câncer com Mais Precisão do que Muitos Laboratórios
Última Resposta Por: Jahaisa
16-08-2019 09:28 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 309
Crianças que Passam 4 Horas por dia em Gadgets têm o Dobro de Chance de Dormir Menos
Última Resposta Por: Jahaisa
16-08-2019 09:26 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 170
Johnson & Johnson Enfrentará Investigação Criminal sobre Talco com Amianto
Última Resposta Por: Jahaisa
16-08-2019 09:24 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 173
Os Prós e Contras de Dormir com seu Animal de Estimação - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
15-08-2019 04:35 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 496
Você Está se Envenenando com Creme Dental?
Última Resposta Por: Jahaisa
15-08-2019 04:34 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 191
5 Ervas e Especiarias com Inúmeros Benefícios para a Saúde
Última Resposta Por: Jahaisa
15-08-2019 04:31 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 187
Cúrcuma é Superior à Quimioterapia e Radiação no Tratamento do Câncer
Última Resposta Por: Jahaisa
14-08-2019 10:40 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 443
Bebidas Esportivas, Bebidas Energéticas e Refrigerantes Podem Prejudicar seu Coração
Última Resposta Por: Jahaisa
14-08-2019 10:39 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 188
Olfato do Cão Pode Detectar Quando uma Convulsão Está Prestes a Acontecer - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
14-08-2019 10:38 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 174
Como Tratar Alergias Naturalmente
Última Resposta Por: Jahaisa
13-08-2019 02:08 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 504
Por que os Cortes Feitos com Papel Doem Tanto?
Última Resposta Por: Jahaisa
13-08-2019 02:07 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 184
Investigando a Eficácia da Folha de Amora Bioconvertida contra a Diabetes - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
13-08-2019 02:06 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 184
Beba Chá Verde para Melhorar a Saúde Intestinal e Combater a Obesidade - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
12-08-2019 01:08 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 328
EMF Está Ligado ao Declínio Massivo na Saúde Global - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
12-08-2019 01:06 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 185
Bebidas Açucaradas Fazem com que os Tumores Cresçam Mais Rapidamente - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
12-08-2019 01:04 PM
» Respostas: 0
» Visualizações: 179
Chlorella e Fibromialgia: Estudo Confirma Alívio dos Sintomas
Última Resposta Por: Jahaisa
11-08-2019 01:06 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 635
Consumir Azeite Pode Reduzir o Risco de Coágulos Sanguíneos - Estudo
Última Resposta Por: Jahaisa
10-08-2019 01:35 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 534
Métodos Naturais para Tratar Dentes Sensíveis
Última Resposta Por: Jahaisa
10-08-2019 01:34 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 187
Como Funcionam os Anti-inflamatórios e Quais são Seus Efeitos Colaterais?
Última Resposta Por: Jahaisa
10-08-2019 01:30 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 173
Fato Alarmante: 93% dos Medicamentos Podem Desencadear Reações Alérgicas
Última Resposta Por: Jahaisa
09-08-2019 09:15 AM
» Respostas: 0
» Visualizações: 447

Lista completa de tópicos

Divulgue o fórum em seu site!